RSS

A nossa vida de Oração e os nossos sentimentos…

26 fev

Oracao - Livres de Todo Mal“Se você não reza, não fala com Jesus; então você não O conhece!” (Papa Francisco)

Não sei se com você é assim, mas posso sem medo afirmar esta minha verdade: Como é difícil rezar! Como é difícil mantermos um “ritmo”em nossa Vida de oração, em nossa Espiritualidade!!
Há dentro de cada um de nós um desejo intenso de ser de Deus, de servi – Lo mais e melhor e de nos tornarmos homens e mulheres de Oração. Mas o que experimentamos em nosso dia a dia parece ser contrario à tudo o que o nosso coração deseja; e é mesmo!

Facilmente experimentamos em nossa caminhada cristã a real trajetória da decepção conosco, decepção que se da por meio das nossas falhas, das nossas quedas e pecados; e ainda mais decepção de não conseguimos cumprir o que por diversas vezes nos comprometemos com Deus; que é rezar…
Esse caminho cristão de quedas, de limites, de encontros com a nossa miséria e fragilidade, faz parte do nosso processo de crescimento em Deus e para Deus.
Quando temos realmente o nosso coração voltado para Deus e temos o constante desejo de busca – Lo e querer a Sua vontade; estas quedas e limites precisam retirar de nós os nossos excessos…
Penso que o caminho mais seguro para retirar os excessos, sejam quais forem, é o caminho do encontro da nossa miséria, com a a Misericórdia de Deus. Esse é um caminho purificador, um caminho Libertador, que eu e você precisamos passar constantemente…
O problema é que precisamos entender que este caminho de encontrar – nos com a nossa miséria, nada tem haver com a nossa vida de Oração, me explico:

Somos constantemente movidos e motivados por aquilo que estamos sentindo e vivendo no momento presente. Se estou alegre e feliz, tudo ao meu redor parece ganhar cores; mas se estou magoado ou triste com algo que me é importante, logo tudo perde a sua cor e sou movido por este sentimento ruim.

É aqui exatamente que entra a nossa vida de Oração! Vamos aprendendo com o tempo, que a nossa caminhada com Deus, por ser uma caminhada que precisa ir nos lapidando e retirando de nós os nossos excessos, para que sejamos cada vez mais parecidos com Cristo, será então uma caminhada na qual não viveremos uma linearidade; mas será uma caminhada onde teremos os pontos altos e baixos, bons e maus sentimentos, momentos de inspirações e revelações; mas também momentos de profunda aridez; essa é a nossa caminhada cristã! E quem quiser fugir resta realidade vai viver qualquer outra coisa, menos o autentico cristianismo!
E por isso aqui precisaremos aprender uma grande lição: Os nossos sentimentos nada tem haver com a nossa Vida de Oração! Os nossos sentimentos NUNCA poderão reger o ritmo de Oração que precisamos nos colocar! Se assim fosse, correríamos o risco de “usarmos” Deus como objeto da nossa plena satisfação pessoal! Buscaríamos a Deus somente quando estivéssemos bem, e se estivéssemos bem, então O buscaríamos….
A nossa vida de Oração precisa se basear num único principio: Eu rezo porque sei quem Deus é!
Uma vez que eu entendi isso, nunca mais deveríamos parar de rezar! Pois nao podemos rezar só porque Deus nos da coisas, nao podemos rezar só para que Deus ajeite determinadas situações, não podemos rezar achando que Deus é quem precisa resolver todos os nossos problemas; porque não é isso! Rezamos por todas estas realidades sim; mas rezamos ainda mais porque sabemos quem Deus é para nós!
Ai não importa o que estamos sentindo, o que estamos vivendo, os problemas que estão a nossa volta; pois tudo isso para nós precisa somente ir nos modelando para Deus, mas jamais influenciar em nossa vida de busca de Oração!

Portanto meu irmão e minha irmã, chegou a hora de crescermos e avançarmos, e deixamos de rezar somente quando sentimos desejo e vontade. Isso é relacionamento mesquinho e egoísta que podemos ter para com Deus…
Quando colocarmos em pratica essa verdade, eu e você veremos o quanto dará um salto nosso relacionamento com Deus e todos os frutos que dai irão provir!

Não tenha medo de começar de novo seus propósitos com Deus, e Lhe dizer que você a partir de hoje quer retomar a sua vida de Oração, independente de sentimentos e motivações, você vai se dispor a todos os dias rezar; porque você entendeu quem Deus é na sua vida!
Só conheceremos Deus por meio da Oração, so saberemos de Sua vontade para nós por meio da Oração….Não ha outro caminho, outro método…

Conheço pessoas que tentaram seguir outro caminho que não esse, e a vida precisou os ensinar que o caminho do cristão é único, ou se vive ou nao se vive o cristianismo…

Deus abençoe você e seus propósitos!

– Acompanhe também nossa Pagina no Facebook
– Me acompanhe diariamente pelo Twitter

Leia também:

1. PERGUNTE E RESPONDEREMOSBLOG de perguntas e respostas sobre Cura, Libertação, Exorcismos e etc…

2. A grande dificuldade no processo de Libertação

3. O perigo da Televisão: A profecia de 1957

Danilo Gesualdo, é membro da Comunidade Canção Nova e atua junto ao Ministério de Cura e Libertação, residindo em nossa sede em Cachoeira Paulista.
Para contato me envie um e-mail:
livresdetodomal@cancaonova.com

Anúncios
 
1 comentário

Publicado por em 26 26UTC fevereiro 26UTC 2014 em Geral, Libertação

 

Tags: , , , , ,

Uma resposta para “A nossa vida de Oração e os nossos sentimentos…

  1. Laura DGonçalves

    30 30UTC março 30UTC 2015 at 20:44

    Ótimo artigo!

     

Deixe aqui o seu comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: