RSS

Eu escolho ser de Deus!

04 jun

Eu e você precisamos viver de uma maneira na qual mostre ao mundo que Deus existe!

Fiquei refletindo estes dias sobre esta frase acima, e vi que nesta frase há uma verdade; existe por detrás dela uma ordem de Deus para mim e para você!
Não é simplesmente uma frase, ela pode e deve se tornar para nós um projeto de vida!

Ser de Deus

Que projeto é esse?
– Mostrar ao mundo que Deus existe!
E como mostrar que Deus existe?
-Mostrando as pessoas que somos de Deus, que pertencemos a Deus! Mostrando que somos diferentes nas opções que fazemos e em nosso jeito de ser! Pois estas opções que faremos e o nosso jeito de ser, despertarão a curiosidade das pessoas para saberem o por quê agimos de “tal” forma, o por quê reagimos de “tal” jeito! E é nessa hora que apresentaremos Deus à estas pessoas… As pessoas olharão para mim e para você e certamente dirão: “Ele(a) é diferente…” Este nosso ser diferente APONTARÁ para Aquele que nos inspira agirmos assim!

Por isso decidi escrever 3 passos que podemos dar para que sejamos ainda mais homens e mulheres de Deus e para que Deus se torne mais conhecido através do nosso comportamento!

1o Passo: Preciso rever os lugares que frequento!

Os lugares que frequento revelam de mim um pouco daquilo que sou; aquilo que estou de acordo, revelam um pouco da minha aprovação sobre este lugar!
Não estou dizendo aqui de lugares onde vou com o intuito de Evangelizar, pois Jesus também visitou a casa de muitos pecadores e com eles fez a refeição…
Mas estou dizendo dos lugares que você tem frequentado na intenção de lá buscar algo, de lugares que você esta indo para encontrar alguém, de lugares que você tem frequentado na intenção de se divertir e distrair!
Lugares que não convém para uma pessoa de Deus estar, sempre nos ajudarão cair em pecado! Você já deve estar imaginando aqueles lugares que você esta acostumado a ir e que faz de você uma pessoa igual a qualquer outra que esta lá dentro! Vivendo as mesmas realidades, tendo as mesmas atitudes…Existe lugares que sempre vão nos inspirar algo ruim, independente se lá está se fazendo algo ruim ou não! Existem lugares que são assim mesmo por natureza!
Estes tipos de lugares você não pode mais frequentar! São Paulo já nos dizia: “Tudo me é permitido, mas nem tudo me convém!” (ICor 6, 12)

2o Passo: Preciso rever as pessoas com quem me relaciono!

É exatamente isso! Preciso olhar para as pessoas nas quais eu tenho me relacionado e checar se estas pessoas me ajudam ou me tiram do caminho que Deus tem para mim! É incrível notar que existem pessoas em nossa vida que tem sobre nós uma força de nos arrastar ao erro e ao pecado! Começamos a perceber que quando estamos diante de tal pessoa ela sempre traz para fora aquilo que temos de mais ruim; mas não é aquele algo ruim que podemos chamar de “inofensivo”. Mas é aquele algo ruim que nos leva a cair no pecado!
Existem pessoas a nossa volta que é somente estar com ela que começamos com certos linguajares, é somente nos encontrarmos com determinadas pessoas que entramos em conversar cheias de malícia, conversas fúteis e coisas assim! São este tipos de pessoas na qual precisamos rever o nosso convivio! Pois se não conseguimos de alguma forma mostrar a elas pelo nosso modo de vida que somos de Deus e somos diferentes; não podemos correr o risco de nos perder também por causa delas! E isso não é falta de caridade ou algo assim! É questão de salvação!
Devemos tentar mostrar a estas pessoas o caminho correto, o que é bom, mas o que nao podemos é deixar que aquilo que ela vive de errado nos contagie! Se não conseguimos ficar ao lado dela sem cair em pecado, se afaste um pouco, não tenha medo! É claro que aqui entra a caridade, a discrição, o discernimento, a prudencia e etc…
Mas para mim a questão é: Se eu não consigo contagiar tal pessoa com a presença de Deus, não posso me deixar contagiar pelas coisas erradas que ela me inspira a fazer!
Somente um exemplo simples: Tem uma pessoa que é próxima a mim, mas que todas as vezes que eu chegava próximo à esta pessoa ela caçoava de Deus! Por mais que o meu comportamento mostrasse que eu era diferente das coisas que tal pessoa me propunha e me inspirava a fazer, ela continuava a caçoar de Deus…O que eu fiz? Me afastei dela! Na maior discrição fui me distanciando, fui na verdade resguardando a mim e a esta pessoas de cair em erros maiores! Eu de cair em erros que esta pessoa me inspirava, e esta pessoa de continuar a pecar contra Deus!
Para sermos mais de Deus é preciso que também revejamos com quem temos andado!

3o Passo: Preciso rever as roupas que tenho usado!

E como isso mostra quem de fato somos! O nosso modo de vestir precisa sempre revelar a beleza do Criador!
Mas é incrível como nos últimos anos as roupas que se tem usado tem refletido qualquer outra coisa, menos a beleza de Deus!
Os jovens usando roupas cada vez mais curtas, decotes cada vez maiores, roupas que só faltam lhes tirar o ar de tão apertadas e justas que são! E aí me pergunto: Para que isso? Qual a intenção deles?
Talvez eu tivesse milhares de respostas para essa pergunta, desde uma uma carência afetiva que acaba por transferi-lá no modo de se vestir, até mesmo a malícia e o desejo de seduzir a outra pessoa!
A questão é: O nosso modo de vestir também revela quem somos e o que queremos ser! Como é bonito ver uma moça ou rapaz, sóbrios em suas maneiras de se vestir! Uma roupa que condiz com aquilo que são, com aquilo que querem! Não precisam expor os seus corpos para chamar a atenção, mas chamam a atenção exatamente porque são diferentes na suas escolhas por causa de Deus!
Quantas pessoas podemos olhar que nos chama a atenção e nem mesmo sabemos porquê?! Confesso que antes de começar a namorar a Jennifer, que hoje é minha esposa, quando a vi pela primeira algo muito além do que a aparência dela me chamou a atenção! Apesar dela ser linda por natureza…rsr…quando a conheci algo me chamou a atenção, e nao foram as roupas que ela usava, até mesmo porque conheci ela com um uniforme que usávamos em um empresa de cinemas na qual trabalhávamos, e este uniforme era muito feio! Mas ela era diferente, o mode de ser, de se portar, foi isso que mais me chamou a atenção!
Portanto é o momento de se rever como temos nos vestido…

E diante destes 3 pequenos passo que dei acima voce pode estar se perguntando:
– O que isso tudo tem haver com o tema deste BLOG?

Eu lhe respondo que tem tudo haver! Pois o nosso comportamento sempre mostrará ao Mal, ao Demônio aquilo que ele pode ou não em nossas vidas! Não existe força contrária maior ao Demônio do que PERTENCER à Deus! Não existe armas maios fortes contro o MAL do que um comportamento integro e correto, e isso porque decidimos sermos de Deus e mostrarmos as pessoas que Deus existe!

Se você já experimentou que ser diferente faz a diferença, deixe o seu comentário ou me envie um e-mail que irei publicar o seu testemunho. O e-mail para contato é: livresdetodomal@cancaonova.com

Deus abençoe você!

Siga-me no Twitter

* Acesse o nosso mais NOVO CANAL de PERGUNTAS e RESPOSTAS e fique por dentro das questões que causam mais dúvidas relacionadas ao TEMA de Cura e Libertação!

Leia também:

1. Posso ir a benzedeiros?

2. Os dons que Satanás concede!

3. Orando pelo Sentimento de Inferioridade

Danilo Gesualdo, é membro da Comunidade Canção Nova e atua junto ao Ministério de Cura e Libertação, residindo em nossa sede em Cachoeira Paulista.
Para contato me envie um e-mail:
livresdetodomal@cancaonova.comSaiba mais sobre: Danilo Gesualdo ou siga – o no Twitter (danilogesualdo)

Anúncios
 
1 comentário

Publicado por em 4 04UTC junho 04UTC 2012 em Geral

 

Tags: , ,

Uma resposta para “Eu escolho ser de Deus!

  1. Laura DGonçalves

    14 14UTC junho 14UTC 2015 at 20:55

    Olá, Danilo

    Concordo com os dois primeiros passos, mas quanto à maneira de se vestir, não concordo. Acho que da maneira que você coloca a questão, é como se estivesse julgando as pessoas pela aparência, pelo modo como se vestem, e o caráter não tem nada a ver com roupa! Por acaso você nunca conheceu pessoas super elegantes e bem vestidas e que eram pessoas com mau caráter? Acho que Deus olha o nosso coração, o que vai por dentro, e não o que vai por fora.

    Abraços

     

Deixe aqui o seu comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: